Textos Apaixonados

Cerca de 129 textos Apaixonados

Eu sempre achei q era tudo utopia
o que diziam os apaixonados,
mar de rosas, céus estrelados...
Até que um dia te encontrei e tudo mudou,
mas continuo achando que tudo o que os diziam apaixonados
não passava de um sonho...
só que agora um sonho pequeno
pra tudo o que sinto por ti,
dentro de meu minúsculo coração...
Mais um dia se vai,
as saudades ficam,
e tua lembrança...permanece...
e como não dormir em paz
se tenho pétalas em meu travisseiro...

Sabiofk2.0
Inserida por SabioFK

Mas acredite seleção, onde você estiver nós vamos estar
Carregando 30 milhões de apaixonados pelo único amor verdadeiro desse mundo
Aquecendo o as gargantas e os corações dos seus fieis
O amor é responsável, pelo grito que voa mais alto
És um time de raça, tradição, paixão eterna, eterna paixão
E as cores preto e branco, eu carrego eternamente dentro do meu coração.

Thalita B.
Inserida por thalitab

Paixão .. aquela que vibra dentro do seu ser como fogo que aquece a alma, dos corações apaixonados, pelo sentido de se amarem como de se tocarem.
A loucura e o desejo de querer alguém e não poder ter, saber que é o impossível o incalculável, saber que estas só,sozinho na luta de uma vida a dois, de um desejo de sentir e compartilhar a felicidade junto a alguém que me deseja e me quer.
Querer gritar e dizer a todos e a todo o mundo o que sentes, por aquele ser que te faz sentir bem e alegre, tornando-se num Único ser.
Paixão ardente palavra que expressa o sentir vibrar, o viver o que o outro vive, sentir o sangue efervescer pelo toque do outro, quente e ardente de paixão, de loucura feliz.
Consumir o outro, tornando-se num ser Uno, ligando-se na verdade dos seus sonhos e desejos, mais profundos que unir as duas almas , as duas vidas numa única, respirar o que respira o outro ao ponto de morrer um pelo outro.
Capacidade do impossível viver sem o outro, desejo ardente que consome a alma do sentir a falta do respirar, da energia do toque profundo da alma do outro Ser.
Ser ou não ser, ter e querer, desejo do desejado, pelo indesejado do impossível, desejado pelo amado. Dói muito, saber que não posso amar de livre vontade, de que existem seres que não te deixam procurar,viver a tua paixão, por um fato, triste mas maravilhoso,o mais belo do Próprio Ser a Humildade.
Paixão vivida por dois seres, que se amam se desejam, que se fundiram como lava, quente e ardente, como fênix que renasceu das cinzas, por uma amor de fogo louco.
Lagrimas quentes de paixão,segundos de sorrisos,como infinito,maravilhosos e doces como o mel.

Maitê Maia
Inserida por MaitePavelka

1912

Eram apaixonados como eu nunca vi.

Neste dia estavam á beira do mar de mãos dadas, ela se chamava Bárbara e ele Eduardo.

Confesso que hesitei quando vi, mas logo eu e o mundo que os rodeava notamos que era inevitável aquele amor não acontecer. Sempre esteve nos dois corações aquele sentimento, e aos poucos eles iam se tornando romance, dia a dia, companhia, sorrisos, cartas…

O primeiro beijo aconteceu, quando eles se olharam nos olhos fixamente. O ego deles se cruzavam de qualquer forma. Era como se os dois fossem um só. Daí não parou mais, não se largaram um minuto. Muitos beijinhos, abraços, sorrisos, lágrimas, briguinhas, voltas.

Eles já sabiam mesmo sem saber a importância e o tamanho daquele sentimento.

No primeiro mês de namoro Eduardo deu uma rosa que prendia no cabelo – que combinava com seus vestidinhos que ela tanto amava de bolinhas -, no segundo foi um perfume, no terceiro confesso que não sei, mas acho que uma rosa e um perfume.

Só tinham quinze anos, e com o tempo os pais de ambos foram se acostumando com a ideia.

Passou-se sete anos, Eduardo a pediu em casamento. Casaram-se na igrejinha com poucos convidados e os trajes mais lindos da época. Bárbara estava impecável com o seu vestido de noiva com uma cauda enorme e uma simplicidade ao mesmo tempo.

Jogou-se o buquê, brindes, valsas, e tudo que se tem direito.

A lua de mel foi no estrangeiro, na Europa. Passaram por lá algumas semanas. A volta foi triste. Queriam para sempre aquele lugar apaixonante. Mas então voltaram para o Brasil, mas especificamente, Recife.

E continuava com aquele clima romântico, afinal… O amor e a cidade ajudavam.

Todo dia, o dia novo que vinha, era a melhor fase do casal, sempre melhorava aquele romance, o dia seguinte sempre era melhor que o passado. Era tudo demais, feliz demais. Triste demais nos dias de brigas, normal.

No dia 31 de julho, Eduardo sofreu um acidente.

Bárbara não sabia o que fazer naqueles dias conturbados no hospital, ela rezava a cada segundo, beijava a testa do seu amado, rezava novamente, chorava no ombro se deus amigos e familiares. Eis que sete de agosto, sete dias depois do seu acidente… Eduardo faleceu. E bárbara foi junto a ele. Não no corpo, mas na alma. Ela passou dois anos não vividos. Ela não sabia mais quem era, só vivia do passado.

O cemitério por algum tempo tornou-se seu lar. Lembro de uma vez que ela chegou a deixar no caixão a flor do seu cabelo – do primeiro mês de namoro –

Passou a desacreditar de Deus por alguns meses. Depois, voltou a acreditar. E a partir daí mudou.

Ela saiu e foi viver, viveu. Teve outros amores, casos. Viveu feliz com a família – que aos poucos também iam partindo – e com seus amigos – que também alguns partiriam antes dela – não que ela não fizesse isso, pelo contrário. Bárbara e Eduardo eram extremamente ligados as suas famílias e amigos. O amor deles não só juntava os dois, e sim as pessoas.

Ela viveu, diga-se de passagem. Não um viver bem, mas um viver vivido apesar de tudo. Sempre faltava um pedaço nela, um pedaço de terra, de pessoa, de amor. Tudo fazia falta, tudo. Ela não tinha filhos com Eduardo, não tinha nada. Só as fotografias de momentos inesquecíveis.

2010

Bárbara é o seu nome. Menina feliz, com uma família maravilhosa, amigos bons.

Ela é de recife, ama a cidade e o pessoal de lá. Mas as vezes não se sente totalmente ‘em casa’ falta um pedaço nela que Bárbara não fazia ideia de onde vinha.

De vez ou outra ela ia no recife antigo e chorava, chorava sem parar. Múrmuros de choros.

Na praia, ainda era pior. Eram lembranças que ela não conseguia ver ou saber, mas sentia.

Dia oito de agosto, ela estava perto do mar, sentada e chorando muito.

Do nada, apareceu um menino aparentemente da sua idade – 15 – e lhe deu uma rosa e disse:

- E a historia não recomeça, ela continua. E cada vez mais linda e eterna.

Bárbara sem entender nada, diz

- Hã? Desculpa, não to entendendo.

O menino riu

- Eu também não entendi, saiu do nada. Você ta chorando, me doeu te ver assim, mesmo sem te conhecer. Quer um presente?

Bárbara riu

- Não precisa, mas obrigada pelas palavras.

- Eu faço questão, tome essa flor.

- Nossa, que linda! Obrigada.

- Mas olha, é pra por no cabelo, é uma flor de vida, mas com um tick - ou sei lá o nome – atrás dele que tu coloca na cabeça.

- Ammmmmmmm, (risos) pronto. Que engraçado, onde comprasse isso?

- Ficou linda, e combinou muito com sua blusa de bolinhas. Achei aqui no chão. Não vai deixar de aceitar não, ne?

- (risos) claro que não! E qual seu nome?

- Eduardo. E o seu?

- Bárbara.

Os dois paralisara por três segundos.

- Que fofa! E que bom que suas lágrimas sumiram

- (risos) É… É como se eu tivesse achado a minha casa, o meu porto seguro.

- Agora quem não entendeu fui eu.

- Talvez eu também não.

Os dois sorriram.

E dessa vez os dias sete, os momentos sete, setenta, dezessete, nada atrapalhou. Foi para sempre, e olhe que dizem que isto de eterno não existe. Mas para aqueles dois irá existir. E vai ser sempre como se fosse o primeiro e eterno amor.

E sim, eles não se perderam um do outro.

Agora, anos depois. Ambos já adultos… Possuem dois filhos. Um menino e uma menina. Deixaram na vida uma raiz.

E no momento em que eles partirem, vão partir de um jeito totalmente deles.

Bárbara Campos
Inserida por BarbaraCampos

Descaso
Não costumo escrever sobre amor,
este amor de que falam os apaixonados,
minhas rimas são dispersas, inócuas,
desejos imersos em rimas dispersas.
Não tenho muitos sonhos,
mas invento meus versos,
perdidos versos que vagam sozinhos
fazendo um eco na solidão.
É uma estéril caminhada poética,
poemas invisíveis que ninguém lê,
monólogos que restam do dia a dia,
falando surdamente para mim mesma.
São versos distraídos de silêncio,
no descaso do nada querer,
mas se todo amor é um refúgio,
resta então uma esperança
para uma súbita poesia....

sonia schmorantz
Inserida por schmorantz

Carta à paixão

Quando olho para ti com os olhos não mais apaixonados, vejo a mesma pessoa, com as mesmas roupas, com os mesmos costumes... Até aquele antigo perfume, único, que me aguçava o olfato, tornou-se comum. Sua voz, seu jeito de me tocar era tão únicos que naquele exato momento tudo se estagnava, tudo centralizava, tudo reiniciava! Cadê aquele momento? Foi-se! Deixou saudade! Não saudade de você, mas daqueles sinceros sentimentos que me faziam perceber o quanto sou capaz de amar alguém. Eu te amei! Talvez um amor maior que você, maior que a mim, maior que o tempo, maior que meu orgulho, maior que seu medo de deixar-se amar. Não há arrependimentos, não há raiva, e também não há mais aquela fervorosa paixão. Ainda te amo! Pode ser que o ame por toda vida! Só não quero apossa-me de ti! Isso é a liberdade! Dou-te a liberdade! A liberdade também é um ato de amor! A paixão é perspicaz. Com ela, ficamos espertos, qualquer instante é favorável para estar perto da pessoa amada. Aguardamos ocasiões com a paciência de quem um dia conquistará o maior troféu: sua presença. Não há necessidade de te tocar para perceber que o beijava com meu olhar. Você notava! Sei que notava! Não conseguimos deixar escapar um olhar apaixonado da pessoa enamorada. Tentei esconder de todos, ninguém percebeu! Mas você sim! Guardei esse amor, assim como guardei os antigos amores e aguardarei os futuros. Sou uma pessoa amante e itinerante! Não sei se amaria somente uma pessoa, no entanto, eu te amei!

Thaty Sousa
Inserida por ThatySousa

É sempre a rosa...
Sou apenas mais uma,
entre tantos admiradores
e apaixonados pelas rosas.
É mágica, fascinante
é cor, vida, amor.
Rosa, é rosa esta flor
de tantas cores
que me leva tão longe
e continua marcando
o passar dos meus anos
com seu perfume
carregado de lembranças
e emoções tão especiais.
by/erotildes vittoria

Erotildes Vittoria
Inserida por erotildesvittoria

Que me desculpem os apaixonados, os visionário e os sonhadores. Mas este mundo é tão imperfeito quanto a nossa crença de perfeição. Assim como nós, este mundo evolui! Aqui é uma escola para nós, para os animais, para as plantas e para todo o planeta vivo.

Em um mundo perfeito não há doenças, não há mortes, não há ganância, não há deslealdade. Em um mundo perfeito o mais forte não abate e alimenta-se do mais fraco, ele caminha junto e auxilia em sua evolução.

Em um mundo perfeito não existe separações, sejam elas como forem. Ninguém julga, ninguém é julgado. Eu sonho com este mundo perfeito, eu sei, ele existe, e o que me dá forças é saber que não sou o único que em seu intimo, sabe, podemos ser melhores que isso.

Sérgio Tenório
Inserida por sergiotenorio

Somos dois loucos apaixonados
Fugindo desse mundo absurdo,
Longe dos barulhos de cidade grande...
Como se fossemos para um paraíso
Onde tivesse uma bela sinfonia de fundo.
Beijos e carícias
Tomados de carinho.
Nada importa,
O que importa é essa vontade
De fugirmos juntos,
Onde somos os perseguidos pelo tempo,
E nosso refugio são as estrelas e a lua
Testemunhas de nosso crime;
Crime por sermos tão apaixonados
E só termos ouvidos para as juras do amor,
E pensamentos de ficarmos eternamente
Nesse paraíso encantado,
Onde as ondas da paixão
Vem e ficam,
Porque somos dois loucos...
APAIXONADOS!!!

regiz013
Inserida por regiz

Somos dois loucos apaixonados,
Fugindo deste mundo absurdo,
Longe dos barulhos de cidade grande…
Como se fossemos para um paraíso,com o farol,como eu digo na vida há sempre um farol brilhando os caminhos e indicando os rumos da paz e da alegria.
Onde tivesse uma bela sinfonia de fundo.
Beijos e carícias
Tomados de carinho.
Nada importa,
O que importa é esta vontade
De estarmos juntos,
Onde somos perseguidos pelo tempo,
E nossos refugio são as estrelas e a lua
Testemunhas de nosso crime;
Crime por sermos tão apaixonados
E só termos ouvidos para as juras do amor,
E pensamentos de ficarmos eternamente
Neste paraíso encantado,
Onde as ondas da paixão
Vem e ficam,
Porque somos dois loucos…
APAIXONADOS!!!

Joaquim Silva
Inserida por joakuimsilva

Descompasso

Olhos brilhantes na beleza do mar.
Descalços pés de amantes apaixonados.
Esperanças no horizonte a se renovar.
Infantilmente mariscando desejos guardados.

Um carinho sentindo a brisa.
Mesmo pisando na água fria.
É desejo que se realiza.
É sonho de alegria.

À noite nos incandesce
De um salutar querer,
Em silêncio peço a Deus em prece
Pra nunca sem você amanhecer.

Vendo-te acordar pensei com esmero
Naquele momento o que eu mais queria,
Ouvir um eu te amo sincero
Junto com teu beijo de bom dia.

A emoção não te convence
Isso da tua boca não sai,
Calo num abraço comovente
Enquanto uma lágrima sorrateira cai.

Mesmo que em palavras sonegas
Escuto teu coração palpitar.
No descompasso, sem querer entregas,
A tua vontade de também me amar.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Certo dia, um casal de jovens muito apaixonados resolveram morrer por amor e, decidiram lançar-se de um prédio à baixo, e logo o homem contou até três (1, 2 e 3) a mulher deu um passo atrás e o homem lançou-se e a mulher diz ai! Como o amor é cego!
No meio da queda o homem abriu um paraquedas e critou mulher até que amorte nos separe; ...

Maduca2312
Inserida por PioMaduca

Somos, inexplicávelmente, apaixonados por tudo que nos encanta. Alguns tem a costumeira bipolaridade, enquanto outros não. Somos ricos e pobres; bonitos e feios; felizes e tristes. Somos. Ás vezes, costumamos mais pensar do que agir. Ou, ag
ir sem pensar. Dependendo da situação somos impulsivos. Faziamos birra quando não ganhavámos o que queriamos, e, no fim das contas, acabavamos ganhando. Hoje, quando não tem o que querem, muitos destroem a vida. Pura banalidade do bem mais precioso que nos foi dado. Somos fortes, uns fisicamente e outros mentalmente. Mas, somos. Vivemos de sonhar, lutar, e, por consequência da luta, ganhar. A perda faz parte, mas é só um pequeno obstáculo á ultrapassar. Sorrindo ou chorando, ainda estamos de pé. A paixão nos domina, e o amor nos ensina como quebrar barreiras, vencer preconceitos, e, principalmente, nos ensina o seu significado primordial. Somos diferentes, e, ao mesmo tempo, iguais. Erramos, mas esse é o objetivo da vida: errar e, consequentemente, aprender. Pois, não somos perfeitos, somos humanos.

Thays Ribeiro
Inserida por thaysribeiro

Paixão tem e sempre terá minha preferencia .. Quando estamos apaixonados tratamos um ao outro como se houvesse perfeição, dai vai virando amor, e eu acho que amor é isso.. é conhecer e aceitar o lado imperfeito do outro, mas pra que ? A paixão custa tão pouco, é tão intensa e não maltrata, e dai que dura um dia ? É exatamente disso que precisamos não é ? Um dia de cada vez, como se fosse o ultimo
. Já pensou se no ultimo dia de minha vida eu estiver amando e justo nesse dia ter que atravessar as imperfeições do amor ? Ah não, eu quero alguem pra me apaixonar todos os dias e vice versa, acordar pela manhã e dizer 'bom dia amor' ao inves de 'seu café tá na mesa' ... Porque o amor tem essas comodidades, essa certeza de pertencer eternamente ao outro deixa os amantes descuidados, nós apaixonados não sabemos o que é pertencer eternamente, sabemos o que é pertencer hoje/agora e isso nos torna cuidadosos conosco e com nossas paixões. Por tudo isso, digo e repito, prefiro que se apaixone por mim todos os dias durante anos, ao invés de me amar por uma vida toda.

Karla Moura
Inserida por karlamoura

Apaixonados iniciante são residentes de uma mitologia amorosa, aparentemente solida e suave ao caminho da vida;
Porém sem tantos sonhos se torna uma arma fatal, despedaçando a felicidade para cada lado com certa frustração;
Mesmo com tantas dificuldades se espera o aroma de amor sincero que nunca se faz fugaz;

Julio Aukay
Inserida por JULIOAUKAY

Apaixonados

Somos dois loucos apaixonados
Vivendo em nosso mundo de amor,
Longe dos percalços da vida...
Como se fossemos para o nosso paraíso
Onde o cantar dos pássaros e o murmurinho da cascata nos fazem companhia.
Beijos e carícias
Tomados de amor.
Nada importa,
O que importa é essa vontade
De ficarmos juntos,
Onde só o tempo nos persegue,
E nosso único refugio são as estrelas e a lua
Testemunham nossa paixão;
Paixão que aflora em nossa pele
E só temos ouvidos para as juras de amor,
E pensamentos de ficarmos eternamente juntos
Nesse paraíso encantado,
Onde as ondas da paixão
Vem e ficam,
Porque somos dois loucos...
APAIXONADOS!!!
Amo-te para todo sempre!!!

Roberto Ferrari o Poeta do Amor
Inserida por lordjim

O mecanismo dos sentimentos favorece o coração para o calculo dos apaixonados, esperançosamente a perfeição dos momentos plenos consigo mesma;
Quem acredita no amor sempre vencerá, sempre encontrará o descanso em um coração pleno entendendo a explicação de um alguém que dará de um tudo para ficar com você;
Portanto silencie-se e ouça a batida do seu coração, escute os sentidos revelados pelo seu próprio coração, que não é passageiro;

Julio Aukay
Inserida por JULIOAUKAY

Jovens apaixonados


No olhar
No agir
No tocar
Sente-se o novo
Sente-se o renovo
O sangue correr nas veias
Sem parar
Nitroglicerina pura
Jovens prontos para amar
Coração a disparar
Não da mais para evitar
Chegou o momento
Dos corpos se encontrar
A magia acontecer
Jovens por muito tempo
Ainda vão ser
Como é gostoso amar e se conhecer
Juntos amadurecer
Paixão
Amor
Tensão
Tudo resplandecer
Em noites esplendorosas de prazer

Sandro Sansão da Silva Costa
Inserida por SandroCosta

POEMA A PRÓPRIO PUNHO...
Queria viver o romantismo dos grandes apaixonados
Entregar-me ao amor com intensa devoção
Suspirar e delirar, horas por dia
Desejar seus beijos
e sonhar com o toque suave de suas mãos
acariciar-te em sonho e acordar com teu cheiro
sentir teu sabor em meu hálito
e secar teu suor em meu corpo...



Queria eternizar seu semblante em um quadro de Da Vinci,
valsar contigo ao som de Strauss,
cantar meu sentimento em uma ópera italiana,
e te esculpir como deusa grega em única peça de pedra sabão...
Queria surrupiar de ti um mero sorriso
e tatuá-lo delicado sobre meus lábios
cortejar teus olhares
e tornar-me único diante de ti...
Dedicar-lhe minha vida,
entregar-te em bandeja minha alma,
seguir as batidas do teu coração
com o ritmo do amor que a ti destino...



Queria viver o entusiamo romântico dos grandes apaixonados
e deslumbrar-te com minhas palavras,
escrevendo de próprio punho um poema de amor,
que declare minhas emoções,
e lhe atraia enfeitiçada aos meus braços
que por ti aguardam extasiados
e suspeitos
por fazerem parte
de um ser apaixonado...

Janna Teixeira
Inserida por janna73

Como Romeu ¨& julieta somos dois apaixonados
Como a lua ¨& as estrelas sou feliz ao teu lado
fico pensando em nós dois , nos teus olhos de mel
no cheiro da tua pele, que me leva até o céu
e me faz desejar o teu beijo ,desperta em mim
um desejo louco de te amar, princesa dos
meus sonhos encantados , viver contigo
é mais do que sonhar é ver a lua dançando
pro nosso amor ,poesias soltas pelo ar
passaros cantando pra você
e eu vivendo só pra te amar.
Princesa minha ,doce desejo
viverei só pra te amar

Victor Riios
Inserida por Victorriios