Hoje eu acordei mais cedo

Cerca de 52 frases e pensamentos: Hoje eu acordei mais cedo

Era uma manhã chuvosa, e ainda assim acordei cedo e com muita disposição. Estava disposta a viver aquele dia ao invés de vê-lo apenas passar. Tomei um banho, vesti minha melhor roupa, passei um batom e fui enfrentar o mundo lá fora. Dei alguns passos, e o vi. Lá estava ele me fazendo lembrar que ainda sofro. Logo voltei pra casa e me fechei no meu mundo outra vez.

Gabriela Stacul

Acordei cedo
vi o sol brilhar
da minha varanda
ainda a bocejar
era muito cedo
eu espreguiçava
e observava um cantarolar
era um pássaro lindo
tinha muitas cores
ele se exibia
e cantava alto
estufava o peito
e chamava a vida
de felicidade
e ele so queria amar

thadeu alencar

Por causa da profunda tristeza
hoje não acordei cedo,
sentindo a frieza nos ossos
da solidão e dor.
Que têm sido minhas companheiras
nesta caminhada estreita
para o Reino de meu Senhor.
Parar não posso, nem desviar-me vou,
se não tenho certeza
na quietude espero,
a provisão
que não falta,
Vinda de meu Senhor.
Revoltar-me, Jamais.
Pois, não sou eu que vivo mais
E sim quem vive por mim,
que peleja e me defende
das mãos de satanás.
É Jesus Cristo o meu Salvador.
Aquieta-me a alma,
Quando eu sem calma,
na oração peço socorro.
O meu coração recebe o refrigério
Para eu seguir meu ministério
de crer em Deus
Por Jesus Cristo o Senhor.

Arilma da Silva e Silva

Hoje acordei cedo para escrever....
Minha ansiedade de dizer o que sinto não me permite ficar na cama...
Me sinto em uma cama de pregos, quando meus pensamentos inquietantes começam a me procurar....
Minhas mãos desejam as palavras, como meu pensamento deseja da forma a obra dessa construção de idéias...

Wenner Áli

"Acordei cedo hoje. Pulei da cama às seis da manhã, dei uma bela caminhada até a janela e voltei para a cama às 6H05. Fiquei dez minutos debaixo do chuveiro frio. Amanhã pretendo abrir a água"

Henry Youngman

Hoje acordei cedo agradeci a Deus pela minha vida , pelo abrir dos olhos , pelo bocejar , pela minha família e meus amigos.
Agradeci também a Deus por as oportunidades que tem me concedido pela paz , saúde e pela fé.
Nossa vida se resume em poucas coisa saúde , fé , trabalho , família e amigos e tudo isso eu tenho!!!
Então percebi tamanha riqueza em minha vida!!! Não estenderei um discurso pois não sou politico , mais na vida á riquezas tão significativas do que bens materiais.
Bom dia "PEN"

Paulo Elias Nunes

Qual é a sua história?

Hoje acordei cedo, tomei o meu banho matinal e saí. Andei por toda a cidade, fotografei alguns parques, observei detalhes. Não entendo por que dormimos até tarde, o clima da manhã é tão fabuloso.

Sentei num daqueles bancos de praça antigo - madeiras envernizadas com verniz marítimo, as partes de ferro (com alguns sinais de oxidação) bem torneadas e com pequenos detalhes delicados, como a moldura de um camafeu antigo. Quem será que já sentou-se nesse mesmo banco?

De lá observei uma mulher de altura mediana, morena, cabelos curtos e cacheados. Bem vestida. Bem acompanhada. Mas não notei sequer um sorriso daqueles lábios finos e meio pálidos. Então, qual é a história dessa mulher, por qual motivo ela não sorria - sendo ela tão linda, bem vestida e com boas companhias?

Levantei e voltei a caminhar, a fotografar. Olhei pra cada pessoa ao meu redor - Por que diabos fiz isso? Quem faz isso? - e várias perguntas surgiram. Quem são essas pessoas, de onde vieram e para onde estão indo?

O que quero dizer é que cada um de nós temos uma história. Eu olhei pra cada pessoa e imaginei elas quando eram bebês, quando deram seus primeiros passinhos ou quando deram o seu primeiro beijo, quando namoraram pela primeira vez, quando se tornaram adultos, quando conseguiram o seu primeiro emprego ou como a vida foi dura e complicada. Essas pessoas são o que elas queriam ser, trabalham com o que sonhavam, se casaram (ou não) porque estava nos planos? Quem eram essas pessoas, como foi a vida delas e como está sendo? E aquela mulher que eu disse lá no início, talvez ela não seja feliz por algum motivo.. quem dera eu pudesse tê-la conhecido para saber um pouco sobre sua história.

E acho que isso é um pouco do que falta nas pessoas: vontade de conhecer outras pessoas verdadeiramente. Depois dessa explosão de tecnologia e redes sociais, a comunicação se tornou muito rápida e, talvez, monótona justamente por ser rápida demais. Que saudade de sentar para tomar um café e prosear por horas e horas, ir embora já com vontade de voltar a prosear e me lembrar que daqui uns dias ou até mesmo semanas eu tenho mais coisas pra contar e pra ouvir, talvez com essa mesma pessoa que eu sentei pra tomar um café.

Eu também tenho a minha história e poucas pessoas perguntam sobre ela - na real eu prefiro ouvir histórias de outras pessoas do que contar a minha própria. E vocês, qual é a história de vocês? Como eram quando bebês, na infância, na adolescência... AGORA? Como era a característica do seu sorriso ou o seu modo de andar? Cada um tem a sua história, pretendo levar comigo um pouco de cada que eu conhecer.

Jéssica Calaça Lima

Hoje não acordei cedo
Nem levantei da cama.
Estou tão triste
Pois ninguém resiste
A pensamentos em chamas.
Não está no papel,
Metade do fél
Que sobe minha garganta.
Refluxo de mágoas,
Estômago vazio
Cabeça cheia de pragas.
Da mais sutil,
À mais amarga.

Ingrid A. Afonso

Hoje eu acordei cedo disposto a dar uma lida em Direito Constitucional e, na altura em que José Afonso da Silva diz ser "na democracia que a liberdade encontra campo de expansão", extasiado por tal constatação, pego meu copo de Coca-Cola estupidamente gelado e encontro dentro dele um condor. Sim, um pássaro condor que não estava ali a toa e que me remeteu imediatamente à terceira fase do Romantismo brasileiro, e me fez lembrar de Castro Alves com sua poesia libertária influenciada por Victor Hugo. Então lembrei-me dos escravos, da liberdade ao inverso naqueles navios negreiros, dos miseráveis dos dias de hoje que ainda ontem dormiram nas ruas suportando a chuva fria que caía, e abri a janela e disse ao condor: voe, pois só tu és livre.
Ele se foi, rumo às Cordilheiras dos Andes onde é o seu lugar. E quanto ao copo de Coca-Cola, fiquei feliz por não ser um rato...

Hugo Pires

Hoje eu acordei cedo pra ir ao curso de inglês. Foi legal! Algumas pessoas vão pra o lado oposto da Califórnia. Andei achando que eu vou ficar uns meses sem conhecer ninguém e sem sair de casa. Mas depois lembrei que a minha melhor amiga vai viajar comigo. Na verdade, ela vai primeiro. Então, imagino que vou beber. Fiquei meio pensativa. Vou deixar minha família, meus amigos e você. Mesmo que você já tenha me deixado, eu ainda não te deixei. Ainda durmo com você todos os dias. Você ainda me aperta demais. Eu ainda nem tentei não pensar em você ou nem conversei sobre isso com alguém. Mas desculpa, dessa vez eu tenho que ir, mesmo que você vá comigo. Dentro de mim. Bem que podia ser na minha mala também. Mas o cachorrinho vai comigo. Ando meio maluca, vendo as horas passando e o dia chegando. Já quero me despedir de você. Já quero te explicar o quanto eu vou sentir muito mais a sua falta. Já imagino que um dia desses eu vou querer te ligar, morrendo de chorar e pedindo pra você me buscar em Los Angeles. Mas de verdade, eu espero que ninguém me passe o seu número. Isso seria ridículo! Você já anda vivendo muito bem a sua vida. E na Califórnia vai ser tudo lindo. Hoje no meu curso de inglês, me disseram que tem uma biblioteca na Califórnia onde você vai lendo os livros pelo computador. Tudo moderno! Mas eu ainda prefiro os meus livros. E já separei vinte e cinco que vou levar comigo. Um deles me fala sobre uma garota que não queria falar de amor, mas amor era o que ela já escrevia. Amor é qualquer sentimento bom sobre qualquer coisa. No final das contas, ela percebeu que amava escrever. E no final das contas, eu percebi que me viro e me enrolo toda sem você. Mas a vida vai seguindo. E eu ando muito atormentada. Eu tenho muita coisa pra comprar, muita coisa pra aprender e muita coisa pra te falar. Eu sempre deixo tudo em cima da hora ou engasgado. Meio caminho andado, posso dizer. Mas me contaram hoje que eu não preciso passar o dia com meu dicionário de inglês e eu vou começar a deixar ele de lado, depois eu deixo você. Uma coisa de cada vez.
Hoje eu aprendi demais no curso de inglês! #contandoosdiaspraLA

Kahamorim

Acordei cedo e joguei água no rosto pra despertar o meu coração dessa tristeza que me adormeceu por dentro.

BrunoTeixeira

As Palavras Estão Aqui

Acordei cedo hoje. A primeira coisa que me veio à cabeça foi lhe desejar bom dia.
Mas como fazer isso sem usar as mesmas palavras de sempre?
Pela manhã inteira procurei por outras, pedi conselho de sábio escritores, li suas grandes citações, mas nada do que vi e ouvi me satisfez.
O dia foi passando, chegou a tarde, pensei: ora, é só um bom dia, então por que está tão difícil escrever dessa vez?
Lembrei, não é a mesma coisa.
Perguntas atrás de perguntas vieram, e quase me fizeram esquecer o que eu procurava.
Anoiteceu, e eu nem sei mais o que lhe diria.
Só o que pude fazer foi escrever esse relato do meu domingo.
E o dia se foi, e eu não vou mais perder tempo.
Ora, as palavras estão aqui.

Ramirio, Myllon