Jerusa Borges.: Me Perdoe Me perdoe, Se descubro em...

Me Perdoe

Me perdoe,
Se descubro em você
Minhas fraquezas.
Me perdoe,
Se vejo em você
Minha feiúra,
Minhas asperezas.
Me perdoe,
Se jogo demais em você
Os meus sonhos.
Meus ideais, Meu irreal.
Me procuro na direção oposta,
Até entender que não estou em você
E descobrir-me,
Para sentir, de fato, o amor
E encontrá-lo sem buscas
Nem direção,
Simplesmente sendo.

Inserida por fabriciacabral