Daniel Perez Cliffe: “Eu, o Senhor, esquadrinho o...

“Eu, o Senhor, esquadrinho o coração, provo os pensamentos, para dar a cada um segundo seus caminhos, segundo o fruto de suas obras.” Jeremias17:10.

Tenho em minha casa um limoeiro com espinhos. Durante toda minha vida, como vivia em apartamento, comprava a fruta no varejão. Não tinha outro lugar onde conseguir frutas. Assim era normal comprar o que desejava. Quando nos mudamos para a casa nova, além da grama do jardim que aprendi a cortar, me encantou a idéia de ter um limoeiro.

Agora intensificamos esse costume argentino de comer milanesa e colocar limão. E os limões que usamos os tiro de minha árvore. Têm muito mais suco do que os comprados e são muito mais ricos. É agradável ir ao jardim e colher o limão para colocá-lo à mesa. A comida tem outro sabor quando o fruto que uso é do meu jardim.

É gratificante ver a planta com frutos. Vamos ver como será durante o verão quando já não será mais época de limões, mas agora é muito agradável ir apanhá-los. Enquanto cortava um limão em casa, pensei em Deus e os frutos. Quanto Deus deve gostar de visitar o jardim de nossa vida e ver o fruto que estamos dando!

Ele é o lavrador perfeito e trabalha cada dia para melhorar a horta de nossa vida. Ele deseja poder ver os frutos de seu trabalho em nós e desfrutar do mesmo. Somos seu jardim e Ele tem direito de buscar seu fruto. O mais maravilhoso de Deus é sua generosidade.

Eu nunca agradeci ao limoeiro que me deu os limões. Simplesmente os pego e os uso. Deus, em contrapartida, tem outra forma de atuar. Disse Jeremias que quando Deus visita o jardim de sua vida, e desfruta do fruto que está dando, é tão bom que também te recompensa.

Deus não é devedor de ninguém. Ele sabe o esforço que custa ser um cristão fiel e manter os princípios da Bíblia quando todo o resto se deleita em quebrar as regras de Deus. Ele sabe o quanto é difícil se manter santo em meio a tanta pornografia, não se pendurar num cabo ainda que todos o façam, chegar virgem ao matrimônio, não faltar ao trabalho ou chegar tarde, não se drogar, evitar a mentira neste mundo corrupto, matar a indiferença e sentir paixão por Deus.

Deus conhece o custo de seu esforço e por isso te recompensa.

REFLEXÃO – Seu fruto tem prêmio.

Traduzido por Thaíse Dias Lima

Daniel Perez Cliffe

Inserida por yana