Giuseppe Giusti: E tu, sozinho e pensativo na tua dor, /...

E tu, sozinho e pensativo na tua dor, / procurarás a tua mãe, e nestes braços / esconderás o teu rosto; / no seio que nunca muda terás repouso.

Inserida por agf