Letícia Nogara: Não gosto de ficar triste. E quando...

Não gosto de ficar triste. E quando fico ninguém percebe. De vez em quando pode ser besteira, mas existem coisas bobas que fazem todos perceberem o que me machuca. Mas existem os sofrimentos silênciosos, os que doem em silêncio, os que ninguém percebe, os que eu tento evitar, e quando eles aparecem, sempre surgem com mais força. Mas eu continuo seguindo, como se não existisse nada. Tento sorrir apesar dos tombos, tento olhar pra frente e ver uma luz no fim do túnel. E minha esperança é tanta, que essa luz no fim do túnel, felizmente ou infelizmente, nunca se apagou.

1 compartilhamento
Inserida por leticianogara