Nathália Theylor: Aos 19,quase 20 Aprendi que para...

Aos 19,quase 20

Aprendi que para escrever tolices,as vezes é melhor ficar longe da caneta e do papel.Que pra algo começar e depois se tornar hábito, basta o 1 passo.
Aprendi a cuidar das pessoas que amo e a brigar por elas para que não as tirem de perto de mim e que mesmo longe continuem sendo presente. Acredito que todos teem em si um extinto de proteção por mais calmo e tranqüilo se pareça.
Os amigos são presentes de Deus e outros não os substituem,cada pessoa é única. Existem fases na vida e o tempo passa rápido, amanha pode ser tarde; todo mundo sabe disso e mesmo assim guardam um sorriso ou um bom dia pra amanha.
Aprendi que namorado em alguns momentos é opcional:pode-se ser feliz com os amigos, porem, claro, chegará um tempo que sentirás falta de alguém que te abrace no inverno.Amar machuca quando nos tornamos tão dependentes, tão à ponto de não querer e não enxergar mais a vida sem ela ou ele. Isso é obsessão e doença.Aprenda a viver por você e não pelos outros,porque os outros viverão por eles mesmos.
Aprendi que ler abre novos horizontes e traz a tona mundos desconhecidos,e se não souber o significado de alguma coisa,não e vergonha perguntar,vergonha é fingir que sabe por medo de errar.
Estou aprendendo e já tenho certeza, que não há melhor lugar do que perto de Deus, a distancia Dele so faz mal,se ar sobreviveria alguns minutos ou segundos,mas sem Deus a morte parece ate instantânea, a vida fica preto e branco.Tudo perde a graça!
Errar é humano,persistir é tolice,é sandice, é mesmo burrice,é como cair no mesmo buraco mais de uma vez. Somos humanos,meros mortais e as vezes ficamos tão cegos que rodamos em círculos e voltamos a errar na mesma maluquice. O cair é do homem e o levantar é de Deus...mas isso não justifica nossas falhas.
O perdão liberta quem perdoa/A vida é cheia de escolhas.
Aprendi que família, aquela que te ama mesmo,te defende mesmo quando você esta errado, não deixando de puxar a orelha,mas também não deixando que ninguém te ofenda sem que se intrometa.Penso que isso seja mal de quem ama.
A Bíblia é um livro maravilhoso e sei que todas as vezes que a abrir,Deus falará comigo,mas muitas vezes estamos tão iludidos,ocupados e infelizmente não prestamos atenção ou somos incapazes de ter percepção.
Viver é sobrenatural!Coisa de Deus mesmo!
Mãe é aquela que cria e sentiu dores maiores que a do parto.Mas mãe que é mãe ama e cuida.Pai tem o seu lugar.Irmão é um trem bom demais que a gente sente falta quando está longe.E você e eu somos especais e importantes demais pra Deus,e Ele não vê como o homem vê. Voce é único e exclusivo,tão único que só você tem sua digital.
De valor a vida,porque no tumulo será um pouco tarde pra isso e não se esqueça que de tudo Deus te pedirá conta.
Viva com honestidade!

Inserida por Theylor