Alberto Caeiro: É Talvez o Último Dia da Minha Vida É...

É Talvez o Último Dia da Minha Vida É talvez o último dia da minha vida. Saudei o sol, levantando a mão direita, Mas não o saudei, dizendo-lhe adeus, Fiz sinal ... Frase de Alberto Caeiro.

É Talvez o Último Dia da Minha Vida

É talvez o último dia da minha vida.
Saudei o sol, levantando a mão direita,
Mas não o saudei, dizendo-lhe adeus,
Fiz sinal de gostar de o ver antes: mais nada.

Nota: Poema de Fernando Pessoa (heterônimo Alberto Caeiro).

Inserida por agf