Marylife: NAVEGUEI EM SUAS MENTIRAS Navegando a...

NAVEGUEI EM SUAS MENTIRAS

Navegando a procura de algo, nem mesmo sabia o que procurava!
derrepente você me apareceu, não podia
ouvir sua voz e nem ver o seu rosto.
Mas algo dentro de mim com o tempo
devagar estava mudando.
A cada teclada aprendi a ti conhecer
Minha intuição dizia para fugir, desistir.
A entrada de seu nick simples e forte
Sentia uma tremedeira, um frio por dentro

viajávamos madrugada a dentro, uma viajem ,repleto de amor e magia
Mas o tempo foi me mostrando que nunca foi
sincero, mas já estava envolvida como um vírus que
destruía aos poucos o meu coração.

Seria como travar minha memória não
me dando tempo de salvar essa nossa união
Seleciono suas hipocrisias e jogo na lixeira
de suas falsidades, sua falta de caráter e criatividade!
jogava com todas os mesmos argumentos.
Tentei reiniciar para que pudesse mudar,
dar uma chance, e foram tantas as vezes quis deletar essa esperança.
Senti vontade de rackear o seu pensamento
para que não brincasse com mais ninguém.

Invadir o seu coração e nele entrar e ver
quanto frio e insensível ele é, ferindo sem
se importar, quantos corações foram quebrados
por suas arrogâncias sem se arrepender
das suas atitudes mesquinhas.

Fiz então a colagem de toda
essa ilusão e guardei no histórico
de seu egoísmo.
E no site do seu orgulho estupidamente saiu fora do ar.
Os programas dos meus sonhos ao seu lado
só davam endereço errado pois o endereço
certo a muito alguém já ocupava.
E foram fechados por ter
causado uma operação ilegal.
O disco rígido de seu cérebro estavam cheios de mentiras
encenações.
Nem que fizesse limpeza nos programas de sua
mente, não removeria essas coleções da sua memória
pois estavam protegidos pelas suas ignorâncias.

Mesmo sem espaço seu ego tinha que ser satisfeito,
sentir que podia tudo e se engrandecer.
Vinte quatro horas de navegação isso o deixou
viciado em tentar destruir suas vitimas que foram tão
simples em suas sinceridade, mas isso para você não
importava, pois queria apenas usar, pisar e ferir
quem ousasse gostar de você
Sendo assim fugi de suas atitudes doentia
formatando você de minha vida com a
certeza de nunca mais te encontrar,
Nunca mais...

Inserida por marylife