Eduardo Mognon Ferreira: Libertar Eu não vivo mais de passado,...

Libertar
Eu não vivo mais de passado,
Eles morreram junto com cada
Neuronio que foi gasto neles.

Não devo lembrar de minhas
Dores,
Elas so provarão que ainda não
As venci.

Destrui toda a minha história,
Limpei o papel branco,
E escrevi com letras transparentes.

A essencia que descreve o caráter
De um alarmante grito preso em
Um espaço que a propria dor já não
Cabia mais.

Libertado pela voz da verdade, que
Alto respirou por ter um novo começo
E a certeza de não ter mais fim.

Inserida por eduardomognon