NaNa Caê: Eu tentei me livrar De tudo Inclusive do...

Eu tentei me livrar
De tudo
Inclusive do orgulho em seu excedente ser

Perguntei com quem deixar
Os malditos pertences
Mas você parecia que gostava
Vingança
Ou mero estranho prazer

Usava os objetos
Como queijo envenenado
Preso na ratoeira

E nesses momentos esquecia minha alma de felino
Perdia a autêntica esperteza
E frieza dos gatos
Transformava-me perante suas investidas
Em um dos piores ratos
Dos bem burros
Mordiscando pequenos podres pedaços
De lembranças
Que mais tarde por gula
Sempre me faziam mal

Inserida por nanacae