Augusto Montor: Olhe nos meus olhos! O que você teme?...

Olhe nos meus olhos!
O que você teme?
No mais íntimo dos meus sentimentos existem os medos, e eles vêem a tona a cada suspiro seu. Porque em meio a destruição as coisas que me fizeram sobreviver foram a coragem, a força e apoio. E em nada disso você participou.
Porque no fim eu descobri que você é exatamente o oposto do que eu sou.
Não existe coragem onde a covardia se hospeda
Não existe força onde a menor brisa derruba uma muralha
Não existe apoio onde habita um coração autosuficiente.

Inserida por augustomontor