Herbert Viana: Do muito que eu li, do pouco que eu sei,...

Do muito que eu li, do pouco que eu sei, nada me resta, a não ser a vontade de lhe encontrar, motivo eu ja nem sei, nem que seja só para estar, ao seu lado só pra ler no seu rosto uma mensagem de amor.

Inserida por mmelnr