Ingrid Sampaio: As vezes eu não consigo entender a mim...

As vezes eu não consigo entender a mim mesma, sério. Não consigo entender porque eu tomei certas atitudes ou escolhas. No inicio, eu não acho que elas sejam tolice, acabo ficando "cega", de certa forma. Só que com o passar do tempo, eu olho pra trás, e não consigo acreditar que eu acabei fazendo aquilo, falando aquilo, enfim, não consigo acreditar que realizei coisas tão estúpidas assim na minha vida. Coisas que não merecem nem serem lembradas, de tão mesquinhas que elas são. E pode ter certeza que você, das minhas atitutes, você foi a mais mesquinha, estúpida e ridícula. E até que enfim, posso dizer como é satisfatória a sensação de me sentir libertada de você.

Inserida por adryse