Hugo Radamésio: Sinto sua falta toda noite Quando...

Sinto sua falta toda noite

Quando repouso no meu leito solitário,

Você não imagina o meu fadário,

Estar longe de ti é estar perto da morte.

Se de noite ao dormires escutas,

Canções doces, odes de ninar,

São meus delírios que vão a tua procura,

Pois nos meus sonhos estou a te embalar,

Dorme s tranqüila amor, pois na madrugada,

Os anjos de Deus estão a ti velar.

Se tiver um da minha mesma altura,

Tenha certeza, é minha alma que deixou meu corpo

E foi te encontrar.



Acordas cedo, o crepúsculo mal se inicia,

Atravessam os primeiros raios pela janela.

Os pássaros cantam a mais bela sinfonia,

E o céu, espelho de uma aquarela.

Este é o dia que pintei

Com as cores, de um sonho tão bonito,

Tudo isto amor que te desejei

São desejos de um amor infinito.........

Inserida por HugoRadamesio