Hugo Radamésio: E derepente não há mais, aquela...

E derepente não há mais, aquela tristeza que antes me devassava,

pois de súbito apareceste em minha vida e por tua causa tudo se transformava

1 compartilhamento
Inserida por HugoRadamesio