Gorete salvador: Vou de trem... (Gorete Salvador) Vou de...

Vou de trem...
(Gorete Salvador)

Vou de trem...
Pra te encontrar...
Nem que seja em pensamento...

Me vejo chegando...

É primavera, vestido florido,
Chapéu um laço e uma flor...
Perfume leve...

Sorriso sincero, cabelos compridos soltos ao vento...
No pensamento, muitas perguntas, frases feitas...
Muita esperança...

Será que você vai ao encontro...?

Agora te vejo...
Me olha com curiosidade...
Fico um pouco encabulada...
Será por quê?

...Sou um pouco tímida...
Apesar de muito sorridente...sempre...
Fico séria por um minuto...

Esperando uma reação sua...

Vou de trem...
Ao seu encontro em meus pensamentos!

* Ao repassar o poema deixe sempre o nome do autor.
Direito Autoral
LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998

Postado por Gorete

Inserida por luizcondetorres