J. G. de Araújo Jorge: " Quantos anos!...Meu Deus!...È...

"
Quantos anos!...Meu Deus!...È esquisita esta vida...Depois que a nossa estrada em duas foi partida em uma novamente, o mundo as quis juntar...Mas de nada serviu...De que serviu nos vermos, se o presente tornou nossos sonhos ermos, se não podes me amar!...se não posso te amar..."

Inserida por cristina33