Leandro Prajo: Mãe Um dia dentro de ti inocente era...

Mãe

Um dia dentro de ti inocente era
Até certo tempo te ouvia
Há tempos não te ouço mais, não faço mais conta de teus conselhos.
Já me dissestes que não devia fazer certas coisas
Mas mesmo assim acabei fazendo
Algumas vezes por deixar que suas palavras fossem embora.
A situação não foi como esperado
O instinto materno é tão belo, mágico, cósmico.
Se pudesse voltar pra dentro de ti novamente
Refletiria melhor sobre suas palavras
Os conselhos seriam apreciados e minha vida mais doce seria
Pois Mãe sou parte de ti e sei que não quer o mau pra você.

Inserida por LeandroPrajo