Rô Smith: Descobrindo que não sei. Da terra...

Descobrindo que não sei.

Da terra semeada brotam,
sentimentos que lá deixei,
das lágrimas derramadas em prantos,
agoro colho toda dor que plantei.

Sentimentos que agora afloram,
estranhas flores de todas as cores,
nesta mistura triste de formas e aromas,
percebo que foi para você,
que na minha vida, me dediquei.

Se isso não é amor,
então não sei quem amei.

Inserida por Ro-Smith