Wana Karen Cristine B de Moraes: Perdão Papai do Céu! Senhor Jesus...

Perdão Papai do Céu!

Senhor Jesus Cristo, hoje peço-vos a graça de perdoar a todos que passaram e estão em minha vida que de alguma forma guardei algo triste no meu coraçãozinho, e mais tarde quem sabe ser perdoada também, pois eu sei que sou muito boa, mas que quando fico chateada viro o avesso em grande estilo. Sei que dareis a força para perdoar. Abandono todo o ressentimento contra vós por causa de adversidades, morte e doença na família, pois como o Senhor sabe, cheguei a te dizer muitas coisas desagradáveis um dia, mas o Senhor é meu Pai e sem castigos me ensinou a confiar e respeitar as coisas que acontecem, pois um fio de cabelo não cai sem sua permissão. Então, quem sou eu para questionar a ausência de cabelos nos carecas?

Entrego-me a vós como sempre fiz, só que desta vez te digo que hoje é pra sempre, com fé e confiança, vós me amais mais do que amo a mim mesmo e quereis minha felicidade mais do que eu mesma desejo. Jesus, vós sois o Senhor de minha vida. Penetrai mais fundo em meu coração e removei tudo que bloqueia a abundância de vosso amor. Concedei-me a graça de repousar em vossos braços.

Obrigada por tudo, mil perdões por ter escolhido muitas vezes o caminho errado sem perceber que teriam grandes consequências, mil perdões por não ter percebido o quanto sou abençoada e o quanto tenho preciosos presentes nesta vida em momentos que só o Senhor sabe... Mais mil perdões por aquilo que aprontei e logo o Senhor me fez perceber que era errado(ainda bem que eu entendi os sinais), mil perdões pelas coisas que não lembro, mas que o Senhor viu, afinal o Senhor sabe de todas as coisas que faço desde que eu estava no ventre da minha mãe, isso é o que ela diz, mas eu acho que antes do ventre dela o Senhor já sabia o que eu fazia. Cuida Paizinho dos meus irmãos de todas as nações, hoje em especial te peço que dê colo para os irmãozinhos do Haiti, eles estão precisando muito muito muito da Sua Presença, do Seu Colo, do Seu Aconchego... Ajude cada um deles Paizinho, dê paz ao coração deles, pois tudo isso é triste e difícil de entender e aceitar. Ah, quando as coisas acalmarem não esqueça do que sempre peço, um dia quero ser velhinha e sentar no parque com meu amorzinho pra ver as crianças brincarem, também quero jogar alimentos para os pombos e ser chamada de vó. Sabe o que é mais engraçado? É que quando eu for vó vou ser irmã também, e o Senhor vai ser biza e ao mesmo tempo Pai. Abençoa cada alminha que por aqui passar e mil beijinhos, um abração bem apertadinho, amém!

Aqui estou, em 13 de Janeiro de 2010, inspirada na oração do Perdão que não sei quem criou, por isso não dei créditos a autoria do segundo pequeno trecho e inicial que adaptei ao meu pedido de perdão.

Inserida por wanakaren