Dalton Menezes: (O preconceito) Desprovido de...

(O preconceito)

Desprovido de pré-intenção, a uma análise digna e desprovida de maus olhares daquilo que se fala, o preconceito nasce. Sentem-se, relativamente, ofendidos automaticamente por algo – seja o que for -, e nisso fazem conclusões precipitadas e pejorativas, desviando-se, assim, do real caráter daquilo que se fala. Julgam todo um meio por uma, ou algumas de suas maçãs podres, onde, de fato, todos os meios às possuem, principalmente daquele que acusa, mesmo que em silêncio.

Inserida por kraftwork