Priscila Rôde: "Quero me elucidar, mas , não...

"Quero me elucidar, mas , não encontro palavras que possam definir tamanha perturbação. Não me encaixo em nenhuma acepção, não me encaixo ao bem. É uma mistura de sentimentos desconhecidos, inconstantes. Sei a essência que neles predomina. Tristeza que se esconde no final do corredor onde chorei tantas vezes sozinha, me aflige e me torna perceptivelmente tão fraca e pequena a cada passo que não dou, a cada suspiro lento que almejo na busca da paz de espírito, uma explicação. Me sinto fadada ao fim dos meus sentimentos causadores de uma pulsação quem sabe um pouco mais forte, menos previsível. Talvez o dia amanhã me faça mais sentido, me traga um pouco mais de ser. A minha essência é dilacerada quando me sinto assim, incompleta esperando que o sono feche as janelas da minha alma para a noite, mudando o caminho das minhas lágrimas e do meu corpo."

Inserida por marintimo