Fabricio Almeida Silva: Milagre? Lá fora serena chuva cai...

Milagre?

Lá fora serena chuva cai
Molhando a terra que anseia pela vida
Vida que só a chuva com ela traz
O brilho do sol clareando o céu de um novo dia
Vem trazendo devagar a sua luz
Fazendo desabrochar as flores
Com seus suaves perfumes de alegria

Onde dantes nada havia,hoje brota vida
Quando se pensava que a esperança se extinguira
Veio a luz dos olhos de água cristalina
Que da mesma água enchera a fonte que secado tinha
Fonte onde sonhos voltam a nascer
Onde a esperança que antes quase morrera
Agora vive, com o seu imenso resplandecer...

Ah! Maravilhoso milagre...
Impossível de explicar, pois milagre ainda é...

Inserida por fabricioasg3