Linartt Vieira: Certa vez um Burro, humilde quadrúpede...

Certa vez um Burro, humilde quadrúpede de longas orelhas, encontro-se com o rei dos animais. Muito atrevido, bateu-lhe nas costas, dizendo:

- Como vais companheiro Leão?

- Companheiro?! – rugiu furioso, leão. – Quando foi que te permiti tomares comigo essas liberdades? Não te mordo porque não desejo sujar meus dentes com tão pobre presa.

* Que os Audaciosos Vejam Bem a Quem e Como Cumprimentam, E os Grandes Aprendam a não Dar Importância aos Que Não a Têm.

Inserida por LINARTT