Alex Simas: Teu eu meu... Meus olhos têm a cor de...

Teu eu meu...

Meus olhos têm a cor de quem te quer amar
Só amar um muito amar...

Minha boca tem o gosto do teu nome
Que se repete como refrão sem parar...

Minhas mãos têm o calor do teu corpo
Num queimar sem chama que reclama
O abraço que inflama.

Meus sonhos sonham os teus loucos devaneios
Animal sem arreio cavalgando universos ilusórios
Espalhando poeira de estrelas por caminhos
Ladrilhados de desejos.

Meu tempo corre por teus momentos
Em seculares segundos de saudade...

Minha voz grita teus sons que ecoam nos cânions
De meu coração, replicando em minha alma o
Chamado do teu...

Minhas asas voam teus caminhos por distancias
Das demoras ansiadas no tamanho dos jardins
Plantados em minha por tua alma...

Inserida por jucicastro