Talmer Thiago: Quando a gente simplesmente ama! Quando...

Quando a gente simplesmente ama!
Quando a gente ama, e simplesmente ama, não há como explicar...
Tudo parece mais fácil, parece melhor, mais bonito, mais alegre.

Quando a gente ama, tudo vale. Não há sonhos, desejos ou atos que
pareçam loucura... e porque? Porque a vida parece ter outro sentido.

E na verdade tem. A gente consegue ver além do que os olhos podem ver.
Procuramos a essencia de cada ser, de cada coração.

E ai então, por amor não há erro que não se perdoe, não há falha que não
se possa corrigir, nem virtude que não se conheça.

Cada um tem suas virtudes e seus defeitos. Isso é fato. Mas alimentando
as virtudes, dando força e oportunidade o bom coração há de se revelar.

Bom mesmo é amar de verdade. Amar com todas as forças. Amar com a
inocência, e olhar com os olhos de uma criança.

E aí assim tudo vai parecer mais fácil, e mais gostoso. Rir atoa. Dançar na rua.
Perder o juízo. Sentir-se leve e feliz.

Porque na verdade a gente precisa de pouco pra ser feliz. Começar a dar a
valor em pequenas coisas, no que antes fazia sentido e agora não mais.

Simples assim... Comer pipoca, sentar na calçada e ver o por do sol, andar
de bicleta, ir ao cinema. Tomar banho de chuva. Sorrir gentilmente...

Retormar os valores que perdeu ao longo de sua caminhada. Porque amar
e ser feliz é simples assim. Mas cada um ama, com o coração que tem.

Fico triste quando alguém me critíca pelo que sou, ou pelo que faço. Mas me
perdoem se este for um defeito. Mas a verdade, é que eu amo de demais.

Não esperem de mim ou de qualquer outra pessoa, um comportamento padrão...
como já disse, cada um ama, com o coração tem.

Inserida por Birtulino