Carolina Abre e Lima: Desde menina Não sei se devo falar Não...

Desde menina

Não sei se devo falar
Não sei se devo insistir
Mas queria poder te dizer
O quanto te quero e sempre te quis
Não consigo expressar verbalmente
Talvez se aceitasse o que te escrevi
Saberias então a verdade
Que te quero, te amo
E nunca te esqueci
Que penso em ti a cada instante
E sonho...
Sonho em viver, não apenas um lance
Quem sabe talvez um romance
No qual o amor venha a nascer
Da segunda chance que vou te pedir
Só e apenas mais uma chance
Para esses dois seres
Que um dia ficaram pelo acaso
E que eu, ser insano
Por não saber o que fazer
Sem deixar rastros, desapareci
Desperdiçando os momentos
Que desde menina
Contigo,
Viver eu quis.

Inserida por karol77