Marcos Ribeiro Ecce Ars: A arte contemporânea é como um rio...

A arte contemporânea é como um rio poluído, que há algum tempo foi cristalino. O próprio homem o poluiu com lixos. E hoje ninguém mais pode nadar em suas águas nem contemplar a sua beleza.

Inserida por oriebirsocram