Sandro kretus: Visões de Dante Pequenos restos ainda...

Visões de Dante


Pequenos restos ainda restam neste deserto
Que queima meus pés em suas labaredas
Como se livrar deste cruel inferno?
Que corrói minha alma com suas borboletas


No purgatório alojei-me no limbo dos pecadores
Carregando em minhas mãos livres navalhas afiadas
Cortando meus dedos nas linhas dos pescadores
Que pescam almas rejeitadas

Andei por muros e masmorras
Procurando te encontrar na velha estrada
Mas teu sorriso estava escondido

Não encontrei teu sorriso
Não encontrei quase nada
Nem o teu sorriso restou no paraíso

Inserida por santro