Inútil: INÚTIL Essa mulher que se aproxima Toda...

INÚTIL
Essa mulher que se aproxima
Toda tempo, noite e dia
Me amola e me chateia
Depois ri e me anima.

Certo dia ela falou
Que eu sou um cara especial
Com a lua na cabeça
Torno o céu um carnaval.

Eu sou louco e depressivo
Mas às vezes dou risadas
Solitário pelas ruas
Eu rejeito as calçadas.

Com os mendigos e os sem-teto
Eu vago pelo mundo
Uns me chamam de poeta
Outros apenas vagabundo.

Inserida por luciovargas