Francismar Prestes Leal: Parque de Diversão... Quando a caravana...

Parque de Diversão...

Quando a caravana
Do parque cruzava a
Rua de paralelepípedos,
A alegria me preenchia.

Corria até a montagem
Das máquinas e barracas.
E meus olhos luziam mais
Que as luzes dos painéis.

Quando abriam os portões,
O faziam em meu coração.
E eu voava parque adentro.

Maçã doce, algodão do amor.
Brincava, e cantava, e sorria.
Que saudade daqueles dias...!

Inserida por FrancismarPLeal