Andressa Rodrigues Revoredo: Do que são feitos os poetas? Dó pó...

Do que são feitos os poetas?

Dó pó dos sonhos que a vida soprou
E só a sonhos se pode contar
Aos olhos de um grande sonhador
Esse universo é pequeno demais

Com as estrelas na palma da mão
E o mundo todo pra acrescentar
Não há nada fora de questão
Quando ainda se pode imaginar

Não há nada que eu não possa amar
Uma vez que tudo posso ter
Desde a imensidão azul do mar
Até o infinito e mais além

Não me animo a caminhar
Uma vez que posso voar

Não me animo a ir a pé
Quando posso ir a sonhos

Se esses versos podem me levar
Pro quentinho dos seus braços
Largo todas as minhas posses
Mas a poesia eu não largo

Inserida por AndressaRodrigues