Walace Miguel: AINDA... Ainda caminho no mesmo lugar, e...

AINDA...

Ainda caminho no mesmo lugar, e ainda não consegui sair daqui...
Ainda tento pensar, ainda tento me confortar, mais apenas me incomodo comigo mesmo!
Ainda quero esquecer de tudo aquilo que não queria lembrar, mais percebo que terminei de recordar o que um dia queria esquecer.
Ainda penso...
Ainda choro...
Ainda amo...
Ainda sofro...
Ainda ando...
Ainda quero sentir você ao meu lado!
Ainda que pessoas morram, ainda que re-nascem, ou re-encarnem, serei capaz de ser o alguém que pode morrer, e renascer por você, e re-encarnar o amor que eu sinto por você em outras vidas além das próprias que nós mesmos vivemos em um qualquer dia que transparece no caminho oculto do destino sublime de uma vida.
Ainda me pergunto se sonhos são como imaginamos, ainda sei que sonhos desvalorizam pessoas, como ignoram a realidade na fração de segundos quando olhos despertam de fantasia crônicas num mar de atitudes, finalizadas com o tempo!
Ainda que as impossibilidades da vida sejam causas maiores de dores em mortes, sei que um dia somos capazes de morrer e não sofrer, pois o sofrimento ainda faz parte de um morto por entre um inferno de vida que mantém se inclinando para a morte cada centímetro cúbico entrelaçado pelo pouco tempo que temos !
Ainda sei que os melhores tempos são os que passamos tristes, pois a felicidade não existe, já que passamos mais dias tristes do que sorrindo!

Inserida por walacemiguel