Jefferson Amorim ..: As verdadeiras belezas. Vejo a beleza...

As verdadeiras belezas.
Vejo a beleza com meus olhos, mais não se engana o coração
Pois ele sempre sabe distinguir a beleza, sem nunca ser injusto,
Cabe a nós acreditarmos no que diz nosso coração...
Mais nunca ouvimos a vista de alguns, ele é uma coisa
Do tamanho de uma mão fechada, que bombeia forte o sangue...
Mais o verdadeiro coração está na essência, além dessa casca
E também bombeia forte os sentimentos,
E é uma herança divina, o que nos faz ser um pouquinho divinos
Pois lá se encontra Deus, por esse motivo nosso coração é
Tão sábio, por isso pensamos mais com a cabeça, pois é
Necessário muito mais sabedoria para se pensar com o coração...
Existem poucos entre todos que na hora certa sabem ouvir o coração,
Porém existam muitos que se enganam.
Achando estar ouvindo o coração, e seguem a sua própria opinião
Por esse motivo é necessário muito mais sabedoria,
Para saber quando é o coração que fala
Por que quando ele fala é a voz de Deus te chamando,
Dentro de você...
O que você sente quando vê uma criança sorrindo,
Quando observa o por do sol, o luar
Ou até mesmo a chuva caindo,
Se você sente algo estranho dentro de você
É seu coração identificando as verdadeiras belezas...
E por acaso ele está enganado.
Tentemos então ouvi-lo mesmo que não escutemos, afinal
Não precisamos ouvir, apenas necessitamos sentir.

Inserida por cafjeff