Flávio Leal: Onde está a minha alma? Minha mais nova...

Onde está a minha alma?

Minha mais nova poesia, que fala muito sobre a fase pela qual eu estou passando.Espero que gostem...

Procuro minha alma em todos os lugares
Em todos os altares
Procuro no mar
Procuro em tudo onde ela possa estar

Já fiquei triste a ponto de chorar
Por onde será que minha alma resolveu caminhar?
Eu ando pelas ruas morando nos bares
Passo por lares, pomares

Até minha rima que eu tanto prezava,
Já não me importa mais
Hoje eu só queria sair sem rumo e voltar,
Mais quando voltar, estar acompanhado da minha verdadeira alma
Aquela alma que eu perdi na caminhada da vida...
Que ficou perdida entre as garrafas, maços, ervas.

As vezes eu gostaria de agir igual Caiero,
Acreditar que as coisas são como são,
Porque são assim e assim vão ser sempre.
Mas caiero caiu, junto com as suas palavras e teorias...
Já não vivemos no tempo em que a ciência não explicava nada.
Mais essa tão avançada ciencia, só nao explica uma coisa.
Onde foi parar minha alma?

Eu escrevo, penso, choro...
Mais quando a minha lagrima cair,
Por alguns minutos eu vou encontrar minha alma,
Pois a lagrima no papel, faz com que meu lápis nao escreva, e com que a folha rasgue

Sem conseguir escrever,
Minha alma aparece e me faz entender
Que eu já cansei de sofrer...

A minha alma está na ponta do lápis,
E só apareçe quando eu choro.
Pra me mostrar
Que eu já não aguento mais sofrer!

Inserida por flavinholeal