Bcfb: "Olhos de lince, uma cor serena,...

"Olhos de lince,
uma cor serena,
doce como mel,
corpo de falena.

Chamam-lhe guerreira,
alegria sedenta,
geminiana furtiva,
quieta como ravena.

Tristes são teus olhos,
que circunspectam, ferrenha,
não os façam de silêncios,
verdadeiras ferramentas.

Do amor que escrevo agora,
teu nome, fiz tua figura,
olhos de fuligem, como ela,
seu nome: Manuela."

Para Manuela Kirschner, 3 de julho de 2009;

Inserida por bcfb