Cássia Montouto.: AMOR INCONDICIONAL Algo me inspira a...

AMOR INCONDICIONAL

Algo me inspira a escrever sobre este sentimento, demasiadamente falado, porém, pouco achado. As pessoas dizem Eu te amo!, com tamanha facilidade, e não obstante, um instante depois, cobram respostas. Mas, não estamos diante de uma pergunta, e sim, de uma exclamação, de uma afirmação. Eu te amo e ponto! sem respostas, sem anseios, sem angústias, sem condições. Este sentimento não requer reciprocidade, não pede nada em troca, por muitos, é denominado amor-altruísta. Este amor é facilmente visualizado, na mãe pelo filho, naquela que não espera nada, que ora todas as noites pela sua plena felicidade. Mesmo que as coisas não andem bem, ela nunca deixará de amá-lo. Para este tipo de amor, não existe "se’s".Se você deixar de fazer... Se você me der aquele presente... Se você me amar como eu te amo! Amor incondicional: por muitos desprovido de pensamento racional, por outros carregado de inestimável valor emocional. Um amor sem limites, onde o Céu não é o fim, onde sempre se pode mais, onde o velho ditado " fazer o bem, sem olhar a quem" se faz mais do que presente. Mas, para seres falíveis ao erro,é inegável dizer que amar assim não é fácil, pois requer esforço, dedicação, maturidade. Esforço para não se entregar, para saber perdoar, para relevar, duas vezes pensar, para sempre se levantar.Dedicação para amparar, confortar, acariciar, acudir, auxiliar, apoiar. Maturidade pra raciocinar, relembrar, viver, esquecer, fingir que não vê, "dar o braço a torcer". Um amor assim, realmente, está por existir, mas, uniões verdadeiras são construídas de amor verdadeiro, dizer eu te amo é assumir toda esta carga de "compromissos", que digo, realmente, não é difícil. É fazer momentos mínimos se tornarem eternos, não pelo seu lapso temporal, mas por este fantástico sentimento, que não trava brigas, nem disputas, e sim, compartilha emoções, distribui felicidade, sem impor, NUNCA nem JAMAIS: Condições.

Inserida por bbibbi