Franciane Costa: Esse vai parecer um texto bobo, mais um...

Esse vai parecer um texto bobo, mais um cheio de coraçõezinhos saltitando. É que na verdade eu to escrevendo para agradecer, sabe? Porque fazia tempo que tudo que eu escrevia era sem sentido, incapaz de expressar meus verdadeiros sentimentos. Daí tu chegou, deu uma bagunçada no ambiente e deixou tudo na mais perfeita ordem. Na verdade tudo que faço é para ver brilhar o teu sorriso e cada letra dessas linhas desajeitada é para ti. Às vezes para pensar o que eu estaria fazendo hoje se não tivesse te encontrado. A resposta? É complicado responder. Talvez eu conhecesse outra pessoa para ocupar a tua ausência nunca descoberta e sentida, mas eu acredito que certas acontecem porque tem um destino, por isso tudo aconteceu dessa maneira estranha e pouco provável. Nunca te contei, mas eu tive muito medo de me apaixonar, de ficar assim e pensar em ti a cada segundo do meu dia. Vivo nas nuvens e me perco no tempo. Até meus dias cinzas possui tons de laranja, rosa, vermelho...Só por saber que tu existe e é tão real quanto o ar que eu respiro. Por isso hoje eu só vim para agradecer. Agradecer o sorriso fácil que plantastes nos meus lábios, o brilho dos meus olhos, agradecer a inspiração e tudo que de mim passou a fazer parte. E como tu mesmo me escreveste: "Tenho certeza que o Papai do céu reservou um lugar especial pra ti no meu livro. E se ele não reservou vou pedir pra ele escrever tudo de novo!"

Inserida por francicosta