AlineLOvieS: Sobre os tempos de escola Lembro-me como...

Sobre os tempos de escola

Lembro-me como se fosse ontem o meu primeiro dia de aula. Incrível como o tempo passa...
Queremos tanto nos livrar desta fase de escola, que quando nos damos conta, já passou.

Saudades daqueles momentos tão simples, que até então, para mim não eram significativos na época. Eu estava somente vivendo aqueles momentos, e nunca notei que a vida passaria tão depressa.

Sinto saudades daqueles alunos que faziam graça na sala de aula, e aqueles quietinhos que sentavam-se logo nas primeiras carteiras junto ao professor. Tinha sempre um que destacava-se, seja pela bagunça ou pela educação exagerada. Eu nunca fui das melhores, mas também nunca fui um mal exemplo. verdade, juro!

Sinto saudades do barulho do sinal, que à qualquer momento era sempre um alívio... Menos o que tocava na hora de entrar. Como eu detestava ir a escola.
Mas é incrível como existem coisas que marcam a vida da gente. Quando sinto cheiro de giz, por exemplo, logo o associo a minha infância. Seria mentira se eu dissesse que não sinto nem um pingo de saudades, sinto sim.

Com o passar do tempo, percebi que a vida de cada um acabou tomando um rumo diferente. Rumo que o próprio destino se encarregou de traçar. O cotidiano foi e é sempre a luta pela sobrevivência. Trabalhar e se ocupar, preocupar-se com o futuro. Então aqueles amigos que fiz durante a infãncia, aos poucos foram se distânciando... E cada vez mais, até que nunca mais os vi com a mesma frequência de antigamente. O tempo passa, há e como passa.

Graças aos avanços da tecnologia, nesse mundo tão moderno... Usamos o orkut, ferramente indispensável nos dias atuais pois ele ajuda matar um pouquinho dessa saudade.

Hoje tudo é tão estranho. Nunca me imaginei adulta! Quer dizer, sempre imaginei, mas não achava que me tornaria tão rapido. Vejo que alguns daqueles velhos amigos e colegas são, pais de família. Aqueles que na época eu jurava que nunca teriam jeito por serem tão bagunceiros, hoje tem otimos empregos e vivem bem. Aquelas que eram as mais tímidas e certinhas, que defendiam sempre o ponto de vista pessoal, hoje são mães de um ou mais filhos. Aquelas que eram lindas e maravilhosas, que onde quer que fossem todos menininhos olhavam, hoje estão a grande maioria feias e acabadas. E ainda tem algumas daquelas que nunca foram notadas, as feinhas... Que hoje são cisneis lindos... Que Mundo louco, isso prova que realmente ele dá voltas.

Não há quem diga que o tempo não passa, ele passa para qualquer pessoa.

Ao longo destes poucos anos que se passou, poucos porque ainda sou jovem... Pude perceber que a vida é curta independente de qualquer coisa e valiosa. E como todos, durante esse tempo que passou fiz amizades e perdi porque algumas pessoas a vida se encarregou de levar!

Tive colegas que os via com uma certa frequência, e que mesmo jovens já se foram. E eu que achava naquele tempo que quem morria eram só pessoas mais velhas. Que pensamento mais inocente.

Ter vivido estes momentos na escola me ensinou muito além das contas de matemática e aulas de português. Aprendi mais uma vez que é muito importante dizer o que sentimos aos outros. Muitas daquelas pessoas que estavam comigo sempre, hoje não estão mais... Algumas por causa do cotidiano como eu já havia dito, e outras porque a vida levou. Essas que a vida levou, foram-se não porque era tarde, mas porque o Mundo é moderno.

...Moderno porque deveria ser como meu pensamento inocente da época.

Por isso, aproveitem todos os dias como se fossem o ultimo de suas vidas... Não porque será, mas porque um dia vai sentir saudades destes tão simples momentos. Diga o que sente, demonstre e vai sentir-se com vinte quilos menos.

ESTE É O DIA QUE O SENHOR FEZ; REGOZIJEME-NOS NELE. (salmo 118.24)

Inserida por AlineLOvies