Roberto Pereira Jr: Agente tinha paz, tinha vida e até...

Agente tinha paz, tinha vida e até achava que era feliz. Nós conhecemos, a vida ficou mas emocionante,senti isso sei que você sentiu também, coisas inéditas,sonhos inéditos sentimentos inéditos, sejam eles de amor ou de dor. Sentimentos mas profundo que existe nessa vida aconteceu, sei que fui feliz por vários momentos sei que você também. Seus sonhos eram de pra sempre, os meus não eram os seus. A dor ficou, mas do que a felicidade.
Esse jogo de ter e não querer ter perde e querer ter é cruel. Às vezes penso porque eu resolvi desisti dos meus planos pra juntar com os teus, esqueço que não posso confiar em ninguém a não ser Deus, os homens não são confiáveis, somos todos lixos tóxicos somos o fruto do pecado, animais que só pensamos em nós mesmos, é assim, eu vejo assim, tenho certeza que disso, nossa alegria é passageira, só vem sorrisos de alívio não naturalmente. Nós já nascemos com raiva ou desesperados pra volta para onde agente estava, acho que la era mais tranqüilo, não tinha ninguém só tinha eu,eu comigo mesmo e mais ninguém pra me ensinar a se defender de nada porque não tinha nada o que temer ou o que aprender. Eu sei que ainda vou voltar. To tentando me acostumar com isso tudo, me acostumar a viver com o mundo, às vezes sinto que não sou daqui. Penso: por que estou aqui? Eles me obrigam a pecar, tenho certeza de que estaria melhor antes de fazer parte disso tudo, do mundo e todas as conspirações que nos botam sempre pra baixo. É “esse é o nosso mundo o que é demais nunca é o bastante a primeira vez sempre a ultima chance”.

Inserida por RobertoPereiraJr