Rodrigo Marinho: A verdade Desculpe, enganaram você....

A verdade

Desculpe, enganaram você.
Não existe céu.
Não existe inferno.
Deus não se importa muito com você, e é provável que nem goste de você.
Não, sua vida não tem sentido completo nenhum, você nasceu para que ao reproduzir, ajudasse a perpetuar a espécie.
Em breve você não passará de mera estatística.
E não,‘expectativa de vida’, não merece confiança.
Sua existência é curta, frágil e irrelevante.
Somos irrelevantes, você é irrelevante, e é isso que te engrandece.
A vida é injusta, frívola, cruel e impiedosa, talvez você até já tenha percebido algumas dessas características, mas saiba, o tempo é ainda pior.
Não há diferença em morrer hoje ou daqui a 70 anos, pois a vida não tem sentido.
Aproveite isso.
Dê a vida o sentido que você desejar, o que te tornar mais pleno.
Não se prenda a tristeza, ao rancor, ao ódio.
Você só tem essa oportunidade.
Você não precisa seguir a moda. Você não precisa seguir as convenções sociais. Você não precisa ir à missa. Você não precisa dar sua saúde em troco de dinheiro para depois ter de comprá-la novamente. Você não precisa servir de base para dados estatísticos de livros de geografia.
Não há porque ter medo de algo, porque o medo só te faz perder tempo, então só tema perdê-lo.
Sonhe, explore, conquiste, comemore. Sua vida não é respirar, é perder o fôlego.
Sinta-se pleno, grite.
Ame.
Chore.
Abrace.
Sorria.
Por consciência divina ou acaso lógico, estamos aqui.
E a verdade é que a cada segundo nosso fim está mais próximo.
Embora não nos demos conta.

Inserida por RodrigoMarinho