Geraldo Neto: Lembraças Chorei, na varanda eu chorei...

Lembraças

Chorei, na varanda eu chorei
senti o abraço da dor
que ficou em mim e não tem fim
magoando-me com seu calor

Chorei no mais lindo dia
lembrei do passado, que me traz uma lembrança
feito criança senti falta, daquela idade
da forma que nascia e dormia minha esperança
e em um retrato, vejo a minha felicidade morta

Inserida por gnpoesia