Edson ricardo paiva: À noite,no céu brilhava Uma estrela de...

À noite,no céu brilhava
Uma estrela de luz amarela
Impossível haver estrela
Que brilhasse mais que aquela
E a noite,escura moldura
Tão sem cor,era aquarela
E eu buscava alguma pista
Que indicasse qual artista
Que criou tão bela tela
Quando chega a luz do dia
Saudades da noite fria
Da noite que permitia
Gostar do brilho que eu via
Essa amiga tão antiga
Estrela da minha infância
Divide comigo a saudade
Comigo divide a distância
Compartilha da tristeza
De não ter mais a esperança
Que eu tinha,quando era criança
Quando a noite,como cortina
Se abria pra bailarina
Na sua amarela dança

Inserida por edsonpaiva