Anne Caroline Barbosa: Amor Incontido Puro como o azul do céu...

Amor Incontido

Puro como o azul do céu
A pureza do amor reflete no azul dos seus olhos
Seus olhos que chamam, que acendem a chama
Chama que arde e inflama
E a pureza do amor se transforma em sentimento de desejo, fundido num calor intenso
E no suspense do silêncio, os corpos mais que propensos, se remetem
Se submetem à paixão incontida, pra calar a ferida que sempre é mexida com o encontro dos olhos
Olhos de aconchego, de acalento
Que gritam o que vem de dentro
Sentimento que nascera em distante primavera
Primavera de mel, onde o azul do puro céu se confundia com o azul dos seus olhos
Azul dos olhos que num sopro de vento, promoveu o encontro com o castanho dos meus
Lembro-me, como se fosse ontem.... que ao som do canto dos pássaros, nosso puro amor nasceu.

Inserida por carolbarbosa