Anne Caroline Barbosa: Dois Corpos O amor é como imã, une....

Dois Corpos

O amor é como imã, une.
Dois corpos violados, seres que se amaram.
Na mais pura impureza, se amaram.
Um beijo, um toque, desejo incontido,
E assim estavam, dois corpos, unidos.
Corpos sem vestes e ao mesmo tempo vestidos,
Vestido de sentimentos de todos os tipos.
Corpos unidos, sentimentos que se misturaram.
Dois corpos unidos, corpos violados, corpos sem lei.
Corpos que se amaram.

Inserida por carolbarbosa