Dynamite: Lembro-me da primeira vez que a vi,...

Lembro-me da primeira vez que a vi, linda com seus cabelos castanhos aloirados lisos, seus olhos castanhos como se eu visse refletido neles as estrelas do céu, sua boca bonita e avermelhada, sua pele lisa e gostosa como as águas cristalinas, seu cheiro como se fosse um perfume cheiroso e que nunca acabasse seu sorriso refletia sua felicidade, seu corpo era como se fosse perfeito nunca tinha visto um corpo mais formoso que o dela,era perfeito tinha tudo no seu limite, não era exagerado era tudo no limite.
Estava eu 23h30min horas no dia 31/12/2008 andando na rua, mas estava indo embora, foi ai que passei em frente a uma igreja que fica perto de minha casa, e quando passei em frente dessa igreja a vi lá dentro, linda e formosa, parecia até come se tivesse visto um anjo no meio dos demônios, entrei na igreja, mas estava mais interessada nela, mas por força do destino gostei da pregação na igreja e fiquei pra escutar.
Depois que acabou todos foram comer porque estavam fazendo virada de ano na igreja ela foi lá me cumprimenta, achei estranho pensei comigo “porque ela cumprimenta alguém estranho”, mas ela me cumprimentou,fiquei feliz porque alguém vinha fala comigo, mas depois ela foi lá fora e o pastor da igreja veio fala comigo depois de algum tempo ela entro no meio da conversa e puxei assunto com ela, tão carismáticas e lindas que não para de admirar sua beleza, por sorte minha ela não tinha namorado, conversamos por muito tempo ate que deu a hora de ela ir embora, mas por vontade dela eu sei que ela queria ficar conversando por muito mais tempo.
O tempo passou e eu me envolvi mais ainda com ela, comecei até a ir na igreja com ela mas por acaso do destino descobri uma coisa que nunca tinha sentido mas isto era a coisa que mais temia mas aconteceu eu comecei a amar ela, até que um dia eu fui para uma viagem na casa da avó dela e na mesma noite pedi pra ficar com ela mas o meu desejo era de ter algo bem mais serio, pra minha alegria ela aceito ficar comigo mas não ficamos naquela noite foi uns dias depois bem na minha casa, seu beijo era coisa de outro mundo nunca mais vou acha uma mulher que beijasse assim, mas estávamos ficando escondido pra que ninguém soubesse,

Inserida por dynamite