Yasmine Camargo: Lábios Caminhei nas minhas ilusões...

Lábios

Caminhei nas minhas ilusões
Cantei para as paredes
Declarei o meu amor ao céus
Escutei o vento me falar,
que palavras não bastam
que palavras não tem importância
que o amor talvez
fique em segundo plano...
Errado esteve o vento,
pois eu sei que palavras
bastam para ferir a alma,
pois eu sei que o amor não
é ilusão,iludidos são
os que não querem ver e
sentir que o amor está aqui!
Minha alma não esqueceu
as palavras soadas de
uns lábios que me beijam,
que com sua maciez me
feriu e com seu corpo me
aqueceu,e por uns minutos
me fez perdoar o que os lábios
não deveria ter dito ao coração
o que alguém não deve dizer a o
poeta,que o amor tem menos importância...

Inserida por yasminecamargo