Zeh Gustavo: Um gosto de paisagem As pessoas já não...

Um gosto de paisagem

As pessoas já
não fazem cara de nuvem.
O mundo mudou e não há diabo de
santo que saiba para onde
ele foi.
Só se sabe:
As pessoas estão com a cara e jeito
de funcionamentos.
O mundo adquiriu
modos de máquina.
As habilidades estão amargando
as pessoas
de um gosto
de paisagem
de mundo.
Não só, eu sei:
As pessoas já não trazem rosto.
Eu me afundo
na máquina do mundo,
porém atravesso nela com desgostos
e minha passagem não é muda.

Inserida por lucijordan