GSantos: Oh dor! Até quando tú me consumirás?...

Oh dor!
Até quando tú me consumirás?
Até quando te sentirei correr nas minhas veias?

Diariamente sou atormentado por ti
Te sinto ao meu redor como um leão voraz!
Não te esqueçerás de mim?
Vai-te embora! Que os ventos te levem...
Para bem longe...
Para o abismo, para as profundesas.

O que te fiz para merecer tal desgraça?!
INDULGÊNCIA! INDULGÊNCIA!

Oh! Até quando, até quando...

Inserida por GSantos